A Rede Nacional do Artesanato Cultural Brasileiro é uma iniciativa da Artesol, organização sem fins lucrativos brasileira, fundada em 1998 pela antropóloga Ruth Cardoso. Seu objetivo principal é promover a salvaguarda do artesanato de tradição cultural no Brasil. Por meio de diversas iniciativas, a Artesol apoia artesãos em todo o país, revitaliza técnicas tradicionais, oferece capacitação, promove o comércio justo e dissemina conhecimento sobre o setor.

Amadeu Mendes Braga


Com o barro que encontra em abundância na região, Amadeu e Mercinda moldam peças utilitárias, como açucareiros, vasos, vasilhas, bules e bonecas, entre outros.

Mostrar contatos

AbrirFechar

Os contatos devem ser feitos preferencialmente via Whatsapp.

Telefone (33) 99940-7254
Contato Mercinda e Amadeu
Santana Do Aracuai – MG

A Artesol não intermedeia relações estabelecidas por meio desta plataforma, sendo de exclusiva responsabilidade dos envolvidos o atendimento da legislação aplicácel à defesa do consumidor.

Sobre as criações

Todas as peças são pintadas a partir de pigmentos naturais, de origem mineral, extraídos do próprio barro e das argilas da região. As bonecas são representações de mulheres amamentando, mulheres com seus filhos e noivas, temáticas introduzidas por sua mãe, Isabel.

Sobre quem cria

Amadeu Mendes Braga é filho de dona Isabel Mendes da Cunha, artista popular, falecida em 2014. Dona Isabel aprendeu com sua mãe a arte do barro e passou a usar a técnica como linguagem expressiva, retomando seu sonho de criança de moldar bonecas. Tornou-se conhecida por sua arte tão singular e ensinou muitas pessoas da comunidade a fazer do barro matéria de criação e de fonte de renda.

Passou também para as três filhas e o filho Amadeu que hoje seguem o fio consistente do barro deixado pela mãe, seu maior legado. Trabalha com Mercinda Braga, sua esposa, e juntos se aventuram por todo o processo de produção das peças. Antes de se casar, trabalhava com a mãe, a ajudando com o barro e aprendendo com ela a crescer em seu próprio fazer. Hoje, já com 45 anos de casados, seguem compartilhando a arte do barro. 

Amadeu também herdou da mãe o prazer em ensinar e passar para frente os saberes desse fazer mágico. Junto com Mercinda, ensinou para muitas crianças em situação de rua, do município de Teófilo Otoni, em um projeto da prefeitura. Em Santana também ensinam, quando convidados pela prefeitura local.

“Eu sinto muita falta dos puxãozinho de orelha que a mãe dava na gente.
Eu sou pai, mas mãe é Deus”.

Amadeu Mendes Braga

Sobre o território

Santana do Araçuaí é um pequeno povoado de Ponto dos Volantes, no Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais. Atualmente possui forte produção cerâmica, tanto utilitária quanto decorativa, que começou há cerca de 60 anos, com dona Isabel Mendes Cunha que difundiu pela região a técnica tradicional aprendida com a mãe, assim como a experimentação de novos pigmentos na pintura.

Membros relacionados